Existo, logo penso! #2.4


Às vezes, a vida torna-se um verdadeiro Inferno. Literalmente.

Ontem, um raio vindo dos céus atingiu uma árvore numa terra chamada Pedrogão Grande.

A primeira vítima da tragédia, identificada pela Polícia. 

Até ao momento, já morreram quase 60 pessoas, muitas delas carbonizadas dentro dos próprios carros onde se encontravam. Umas foram apanhadas enquanto tentavam escapar ao mar de chamas, outras iam a circular pacatamente, quando o fogo apareceu do nada, instigado por ventos ciclónicos, cercando-as. Não imagino pior fim do que morrer encurralado por água, fogo ou lama. O número de vítimas mortais ainda não é o final, pois existe um grande número de feridos, quase tantos como mortos e muitos destes feridos em estado grave. Para piorar a situação, estão previstas para hoje de tarde condições favoráveis à ocorrência de trovoadas secas, o fenómeno que terá dado origem à tragédia ontem, na mesma zona do país.

Mas... Serão realmente as trovoadas secas os vilões da história?

A Natureza demonstra que quem manda é ela!

Por mais que queiramos encontrar bodes expiatórios - desta vez, possivelmente, o culpado foi mesmo um raio - a verdade é que muita da culpa destas tragédias é do próprio ser humano. Afinal, são dadas ordem de limpeza de matos, campos, terrenos e florestas. Mas muitas pessoas não o fazem. E depois queixam-se.

Gasta-se tanto dinheiro em festas e romarias... Principalmente no lançamento de foguetes e fogos de artifício. E se as populações investissem esse dinheiro - absurdo, na minha opinião - em ajudar os bombeiros das suas terras, para melhorar os meios de combate? Afinal, as pessoas parecem lembrar-se apenas dos bombeiros - e muitas vezes para falar mal deles - quando as tragédias acontecem. É como diz aquele ditado: 

"Só se lembram de Santa Bárbara quando troveja!"

Confesso que não percebo que poder tem a Santa para dominar as trovoadas...    

De igual forma, continuamos a ter uma política ineficaz contra piromaníacos. Ainda no outro dia foi detido um bombeiro que ateava fogos com o propósito de os apagar!

E o Verão, esse, ainda nem começou.

Comentários

  1. O Governo de Esquerda, não mandou os bombeiros irem de comboio?!

    Engraçado que o País arde todo de Norte a Sul, só Monsanto em Lisboa é que nunca arde...

    A qualidade das árvores deve ser muito boa

    E depois os juízes soltam os incendiários todos

    Que se espera?!

    Votem na Esquerda Unida outra vez

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não tenho acompanhado as notícias todas, mesmo não estando de férias... [risos]
      Concordo contigo na questão da justiça. Os juízes tomam decisões que não lembram a ninguém...

      Abraço :)

      Eliminar
  2. Uma coisa estarrecedora mesmo, mas o SER não aprende nunca. Lamentável isto ...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Receio que o SER aprenda só no último instante e aí, terá valido a pena?

      Eliminar
  3. Um raio que talvez tenha logrado no seu efeito devastador pelas alterações climáticas. E ainda há quem tenha a ousadia de duvidar do aquecimento global. O dia de sábado, em Portugal, foi um dia comum na Tailândia. Ninguém mo disse: eu recordo-me do Verão dos anos 90. Não era assim. Não tínhamos tanto calor, nem chuva em Junho. É doentio, é alarmante.

    um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho saudades do clima que tínhamos quando eu era pequeno. Ainda tínhamos as 4 estações bem definidas.

      Abraço :)

      Eliminar

Enviar um comentário

Olá! O teu comentário é sempre bem-vindo!
Comenta, opina, expressa a tua opinião! Este espaço é teu!

Se quiseres contactar connosco, envia-nos um email para:

entrelinhasdirecionadas@outlook.pt

Esperemos que tenhas gostado do blog e que voltes sempre!

Mensagens populares deste blogue

Sexo oral. Porém escrito!

Projecto "Baleia Arco-Íris" [Update]

Animal X Animal