Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2017

Existo, logo penso! #2.4

Imagem
Às vezes, a vida torna-se um verdadeiro Inferno. Literalmente.
Ontem, um raio vindo dos céus atingiu uma árvore numa terra chamada Pedrogão Grande.

Até ao momento, já morreram quase 60 pessoas, muitas delas carbonizadas dentro dos próprios carros onde se encontravam. Umas foram apanhadas enquanto tentavam escapar ao mar de chamas, outras iam a circular pacatamente, quando o fogo apareceu do nada, instigado por ventos ciclónicos, cercando-as. Não imagino pior fim do que morrer encurralado por água, fogo ou lama. O número de vítimas mortais ainda não é o final, pois existe um grande número de feridos, quase tantos como mortos e muitos destes feridos em estado grave. Para piorar a situação, estão previstas para hoje de tarde condições favoráveis à ocorrência de trovoadas secas, o fenómeno que terá dado origem à tragédia ontem, na mesma zona do país.
Mas... Serão realmente as trovoadas secas os vilões da história?

Por mais que queiramos encontrar bodes expiatórios - desta vez, possivelme…

My Movies! #2.11

Imagem
Those People [2015] conta-nos a história de Charlie [Jonathan Gordon], um talentoso pintor que vive apaixonado pelo seu melhor amigo Sebastian [Jason Ralph]
Sebastian sabe que o amigo é apaixonado por ele desde sempre e então aproveita-se disso, de uma forma extremamente.... Irritante! Porém, tudo mudará quando Charlie conhecer Tim [Haaz Sleiman], um talentoso pianista... 
Eis um trailer:

Para mim, um dos grandes pontos a favor do filme é a extrema sensibilidade e beleza artística. Só por isso já vale a pena assistirem! Excelente filme para reflectirmos sobre o amor não-correspondido e a maldade inerente ao ser humano.
Nota Final João: 8/10

Leia e ele virá! #2.5

Imagem
O Segundo Travesseiro foi a primeira obra que eu li do escritor Moa Sipriano.
Não me vou alongar muito sobre o livro ate porque, para começar, ele é pequeno. Tem cerca de 50 páginas, bastante detalhadas - por vezes até demais. O livro conta-nos a história de um homem solteiro, Sven McBee e que vai conhecer um homem casado - na verdade eles conhecem-se após um terrível acidente que vitimiza toda a vida da família de Jörn. O que irá acontecer?
A história consegue ser interessante e tem pernas para andar, mas para mim, ficou muito por dizer. Facilmente os leitores percebem qual o rumo que ela vai tomar. É uma história simples, trágica, dramática e melancólica. O final é a cereja no topo do bolo.
Nota Final João: 5/10  

My Movies! #2.10

Imagem
Hoje trago-vos um grande filme dos tempos do cinema a preto e branco!


The Great Dictator [O Grande Ditador] [1940] é um filme escrito, realizado e com a participação de Charlie Chaplin! Este é dos pouquíssimos filmes em que escutamos Charlie Chaplin, já que quase toda a sua obra se centrou no cinema mudo. Em "O Grande Ditador", a história começa na Primeira Guerra Mundial. Lá, Charlie Chaplin é um cadete judeu que acaba por salvar a vida de um soldado chamado Schultz [Reginald Gardiner], mas perde a memória. Passados muitos anos, ele acaba por recuperar a memória e regressa a casa, na Tomânia. Durante os 20 anos que esteve fora, um ditador chamado Hynkel [Charlie Chaplin] tomou as rédeas do poder em Tomânia e começou uma "caça" aos judeus.
Eis um trailer:


O filme representa uma sátira aos eventos ocorridos durante a Primeira e a Segunda Guerra Mundial. O discurso final é espectacular e bastante inspirador! 
Nota Final João: 10/10Nota Final Jonas: 10/10

Feliz Dia dos Namorados!

Imagem
Hoje, véspera de Santo António, o Santo Casamenteiro, comemora-se o Dia dos Namorados no Brasil!

Este post é dedicado a todos os casais por esse mundo fora, a todas as pessoas que estão sozinhas mas que se amam a si mesmas e claro, ao meu "mozão"! Não é porque já estamos casados que vamos deixar de namorar! Vamos namorar ainda mais agora! ;P


Eu recordo-me desta canção, que eu já conheço há tanto!E sinto-me tão bem ao escutá-la!Ela soa um pouco triste, mas doce, ao mesmo tempo......Melodia Encantadora!
Sempre que eu ouço essa música,Eu realmente não sei porquê...Mas ela faz-me derramar uma pequena lágrima!Mas tenho certeza que as minhas lágrimas logo desaparecerão,Porque eu sei que tu estás aqui!
Sempre que eu me sinto triste,E tudo à minha volta parece ruim!Tudo o que tenho de fazer, é pensar em ti!Eu sei que os meus sonhos estão à espera de se tornar realidade!
Vamos seguir em frente, com a Esperança nos nossos corações!O amor certamente nos mostrará como!Continuemos em frente,…

My Movies! #2.9

Imagem
Hoje é domingo, por isso, decidi trazer até vós um filme mais "leve".


Ghost World [Aprendendo a Viver] [2001] é um filme de humor negro. No filme, conhecemos Rebecca [Scarlett Johansson] e Enid [Thora Birch], duas raparigas pouco sociáveis que depois de acabarem o ensino secundário, não sabem o que irão fazer das suas vidas. Pelo meio, Enid conhece Seymor [Steve Buscemi] e descobrirá que, apesar da diferença de idades, os dois têm muito em comum. 
Eis um trailer:


Nota Final João: 7,5/10

Revista Conexão Literatura! *Edição Junho 2017*

Imagem
Há algumas semanas atrás, o Entrelinhas Direcionadas teve a honra de se tornar parceiro da Revista Conexão Literatura, uma das maiores e melhores revistas digitais para amantes de literatura! Esta é uma revista mensal, em formato digital e totalmente gratuita. Na edição deste mês, a entrevistada é:


Para além desta grande entrevista, vocês podem acessar a vários audiobooks, crónicas, resenhas, participações de leitores e muito mais! 
Vocês podem fazer o download da revista, clicando aqui.

Bandeiras de Orgulho! #1.1

Imagem
Estreio hoje uma nova temática aqui no blog! Nesta temática, apresentarei assim um pouco da história e da simbologia associada às bandeiras de orgulho LGBTI. Eu estava a pensar começar esta temática mais tarde mas, o dia de hoje é especial, por isso decidi começar hoje mesmo!

E a nossa primeira bandeira é...

A Bandeira mais conhecida de todas, a bandeira Arco-Íris!



A bandeira conotada ao Orgulho Gay foi "criada" nos anos 70 [mais propriamente em 1978] por Gilbert Baker [02/06/1951 ~ 31/03/2017].



Nota: A bandeira arco-íris já existe desde o século XVI. Na altura ela foi usada como um símbolo de Esperança numa Nova Era. Ela foi erguida por um padre, numa revolta de camponeses na Alemanha, denominada de Guerra dos Camponeses.]

Gilbert Baker era um artista norte-americano muito amigo de Harvey Milk - um dos mais importantes e conhecidos políticos gays eleitos nos Estados Unidos da América. Os gays foram ostracizados severamente pelos nazis, durante a Segunda Guerra Mundial. Nessa …

Consciencializar & Sensibilizar - É Preciso! #1.1

Imagem
Estreia hoje uma nova temática aqui no blog!

Em "Consciencializar & Sensibilizar - É Preciso!" serão abordados temas que pretendem fazer isso mesmo. Consciencializar as pessoas e Sensibilizar para determinadas causas, campanhas, etc.

A convite do Blogs Portugal, o Entrelinhas Direcionadas entra na campanha “Faça como quiser, mas não feche os olhos”, que tem como objectivo principal sensibilizar as pessoas para o cancro da bexiga.



"O cancro da bexiga é um dos 10 tipos de cancro mais comuns em todo o mundo. Os números, da Organização Mundial de Saúde, confirmam que esta doença sentencia, todos os anos, a vida de 165 mil pessoas. Em Portugal, estima-se que anualmente sejam diagnosticados 1.800 novos casos. É pela necessidade de falar mais, estar atento e agir, que a Sociedade Portuguesa de Oncologia deixa o alerta, com um filme animado, no Mês de Sensibilização para o Cancro da Bexiga.

Faça como quiser, mas não feche os olhos” é o mote da iniciativa, que conta com a p…

O Anjo Não Desejado!

Imagem
[Conto dedicado ao Dia dos Irmãos que foi celebrado ontem e ao Dia da Criança, que se assinala hoje.]

O Anjo Não Desejado!
Quando eu era mais novo, eu pensava que era capaz de fazer coisas que ninguém mais podia, coisas que pelo menos ninguém dizia poder. Eu conseguia sentir o calor de algumas palavras, molhava-me com as lágrimas de pessoas que sorriam, tinha medo de breves olhares e era contagiado com a alegria de certos sorrisos. Pensei que durante muitos anos eu fosse o único a sentir tudo isso, pois ninguém ao meu redor parecia ligar para essas coisas. Afinal, estavam sempre com pressa e cheios de tarefas para fazer. Havia tanta agonia no bater dos seus sapatos… Isso fazia-me sentir sufocado e deixava-me a tremer no meu quarto, sem entender... Isso até ele encontrar-me, pelo menos.

Ele estava sempre ao meu lado, mesmo sem estar. Ele entendia os meus sentimentos, ainda antes de eu mesmo senti-los. Ele lutava pelas minhas causas, juntando-as às suas próprias lutas. Ele queria que eu …