31/03/2017

Quebra-Cabeça #2.1

Quebra-Cabeça: O lugar onde montamos um pouco mais o outro com pequenas peças que se encaixam para nos mostrar quem realmente é.

O nosso convidado de hoje não tem papas na língua e diz tudo o que pensa. Conheçam um pouco mais do autor do blog "Um Deus Caído do Olimpo", Francisco Mendes Santiago

um-deus-caido-do-olimpo


“Um Deus Caído do Olimpo” refere-se a qual deus? Tu és o deus ou o terrestre que com ele teve um encontro? Se o nome do blog já não for baseado em factos reais, tens esperanças de concretizar esse sonho algum dia?

Francisco: Fizeste me ir rever o início do blogue. Supostamente, no início eu seria Norvegen, filho do deus Hermes, e o Rúben seria Irihss, filho do deus Ares. O Rúben teria sido enviado como terrestre mas como filho de um Faraó, teria-se apaixonado por um terrestre e teria-se esquecido de mim, como aconteceu com a nossa química. Ele optou por ficar com o ex-namorado. Aos dias de hoje, eu creio que ele seja mais Divino do que eu. Isto porque ele foi um Grande Senhor em como lidou com a situação. Tiro-lhe o chapéu e desejo-lhe todo o melhor do mundo. O Sonho de encontrar alguém?! Sabes, quando levamos com um grande balde de água fria, a nossa vontade de apostar em alguém é mais diminuta. Acho eu...


O blog está recheado de fotos de homens sensuais. O padrão de beleza muda de tempos em tempos, mas o público gay busca bastante por este padrão. Achas que os homens fora dos padrões estéticos de hoje têm espaço para serem retratados? Tu escolhes as fotos baseadas no teu gosto pessoal ou é baseado no que o público quer ver?

Francisco: Acho eu que todos nós gostamos da mesma estética. Já coloquei tantos gajos normais, mas as pessoas só falam nos gajos bons e giros e que estejam quase de pila ou rabo ao léu. Eu escolho as fotos baseadas no meu gosto pessoal, por isso já fui criticado por diversas vezes de não publicar tantos gajos giros e bons negros. Ups! Sorry! (risos) O chocolate negro, nunca foi o meu forte...

sexy-guy-coofee-briefs-buldge
Um dos lemas do nosso entrevistado é: "Um café não compromete, nem mata!"

Todas as postagens feitas no blog tem alguma edição tua ou por vezes apenas replicas o que encontras em outros lugares da Internet? Com muita frequência encontramos “memes” com erros de ortografia que são compartilhados até à exaustão. Achas que uma boa piada compensa estes erros ou jamais publicarias algo com erros ortográficos?

Francisco: Nunca foi o meu forte a gramática, como sabes. Alguns bloguistas fizeram referência a isso, recordo-me da nossa amiga Margarida, a menina do gato "César". Um grande beijinho para ti Margarida. As minhas postagens são escritas por mim, mas também publico coisas da Net como é o caso dos posts do "Humor Gay". Não corrijo nada, é a imagem de cada um que assim o fez ou escreveu... Quem sou eu?! Apenas partilho! :)


Há quanto tempo possuis o blog? Já possuíste outro? Tens algum conselho para alguém que queira criar um novo blog e precise divulgá-lo? Já te arrependeste de algum canal ou parceria de divulgação do teu blog que tenha sido mais prejudicial do que benéfico?

Francisco: Eu partilho este meu canto (blogue) há quase 7 anos. Comecei em Junho de 2010. Só possuo gajos (risos) quando me deixam. Quando não me deixam, brinco com os 5 amigos (dedos) (risos) É o meu primeiro e único blogue. Tu é que é que já escreveste vários. Adorei quando eras o deus Hórus do Egipto. O Rúben reencarnou no Egipto ;) Se eu fosse bom em dar conselhos, não os dava, vendia-os! (risos) Este meu canto é de desabafos, não tenciono ganhar dinheiro com ele, logo não sou apetecível para grandes parcerias. (risos) O grande promotor deste canto foi e continua a ser sem grande dúvida o Padrinho João Roque, que escrevia o blogue "whynotnow".

sabedoria-felicidade


O facto do blog estar disponível na Rede Mundial de Computadores é sinónimo de que pode ser acessado em qualquer parte do mundo. Já te surpreendeste ao tomares conhecimento que ele tinha sido visualizado em algum país que jamais imaginarias? Que outros blogs e/ou sites recomendas ao teu público? Se encontrares um site ou blog com postagens muito próximas das tuas, tu encaras isso como um “rival” ou sites/blogs complementares ao teu?

Francisco: Why not?! Claro que sim. Fico admirado quando me surgem milhares de visitas da Rússia, Israel, Croácia, Moçambique, Índia, Arábia Saudita ou mesmo da Jordânia aquando publiquei o meu post acerca do "Mister Gay Syria". O meu Bem-Haja para tod@s que me visitam. Obrigado do fundo do meu coração mesmo. Por norma eu partilho o que gosto, mas tento não impingir os meus gostos. Quem gosta, gosta. Quem não gosta, não precisa de voltar e muito menos ser mal educado. Confesso que quando vejo uma foto, música, pensamento meu num outro blogue, eu sinto-me alegre e lisonjeado, por ver o meu trabalho ser reconhecido de alguma forma. Assim como gostei de ver o meu nome dos Óscares do "Namorado" (um bloguer) e não ter ganho nada. Saber que outros blogues que tinham chegado recentemente à blogosfera e tirem ganho. Foi muito bom, Ali está a partilha que eu admiro na blogosfera.



Os blogs e sites direccionados ao público gay têm muitas parcerias com outros endereços direccionados ao mesmo público. Achas necessário esta divisão entre conteúdo gay e não-gay? Achas que a falta de parcerias mais abundantes entre estes dois grupos é um desinteresse por parte dos bloggers de conteúdo gay ou de conteúdos não-gays? Qual a parceria com assuntos mais destoante do teu que possuas?

Francisco: Na Blogosfera há de tudo. Cada bloguista tem as suas convicções. As parcerias passam-me todas ao lado. Não tenho opinião formada acerca do assunto, porque simplesmente não ligo nada a isso. A minha recente parceria das Lindas Frases, foram eles que me contactaram e eu acedi... Não sou dono de nada 😊 apenas faço da partilha o meu canto!

arriscar-take-the-chance


No teu blog, costumas abordar dois temas geralmente polémicos: Política e Religião. Sempre tiveste esta visão crítica, ou foi algo que surgiu com o passar do tempo? Fora do blog, gostas de debater esses temas ou preferes falar de temas mais leves? Se preferes outros temas, quais costumas debater?

Francisco: O meu canto é meu, logo sou eu que decido o que escrevo ou publico. De facto sei que falar de Religião, é como colocar-me no centro do fuzilamento, numa época que os gays, gajas e velhos adoram os migrantes muçulmanos. Que os defendem com unhas e dentes e que se esquecem que eles matam os gays e velhos e maltratam as mulheres. Criticam-me por eu ser de Direita e ser gay. Mas esquecem-se do que aconteceu e continua a acontecer aos gays nos países comunistas e muçulmanos. (risos) Os gays tugas são todos anti-católicos, mas juntam-se todos no Natal. Curioso não é?! Quanto à política?! Desde que não fale bem da Direita e não fale mal do PS (risos) está tudo bem. A modos que... Eu toco em todos os assuntos que considere pertinentes para mim, seja para falar bem ou mal. É a minha opinião, e como tal, quem não gostar basta colocar o rato na cruz no canto superior direito e clicar! (risos) 


Nas questões de liberdade de expressão que um blog tem a capacidade de expôr, exemplifica assuntos que tu não tenhas interesse em publicar. O que é que achas que Portugal tem de bom e de ruim na questão da liberdade de expressão, seja ela virtual ou não? E quais as forças e fraquezas que Portugal tem em relação à questão do movimento gay, comparando com outros países?

Francisco:  Portugal tem o Tempo (Clima) de bom, de mal tem o povo que nele habita. Já os romanos diziam: "Não se governam, nem se deixam governar..." Os tugas gays que tem a mania que são sérios, esquecem-se que foram as bichinhas brasileiras que deram a grande abertura para estas questões. (risos) Estamos à frente de muitos países, mas ainda somos muito homofóbicos. Pior ainda, os gays é que são os mais homofóbicos, com a questão dos passivos e activos. Os heteros querem é "cona", lá querem saber quem leva nos entrefolhos do cu! (risos)


Tu já viste muita coisa no universo gay. Olhando para trás, achas que a vida gay mudou muito em Lisboa? De que sentes mais falta, comparando-a com outros tempos?

Francisco: Nos entrefolhos do cu, já vi muito hetero curioso/flexível! (risos) Soube deste último termo no fim de semana passado a dar esta entrevista. A vida Gay mudou em Lisboa, mas não no país. E digo-te mais: depende das zonas em que andares de mão dada em Lisboa! Mas, já houve grandes mudanças e para melhor e ainda bem. Sinto mais a falta de lealdade entre os gays. Como pode haver tantos filhos da mãe a contaminarem jovens gays de vinte e poucos anos?! Creio que nos anos 90, quando os gays morriam, havia uma maior lealdade entre os gays. Notas que passados tantos anos, os gays gajos não lutam em conjunto com as gays gajas. Há excepções, mas raramente vês grande união entre eles, quando eles deveriam ser os primeiros a lutarem de mão dada! (risos) 

dont-be-affraid-to-show-off-your-true-colors


No que se refere aos direitos autorais, seja de uma foto, de um vídeo, de um texto, qual a tua política para publicar ou não estes materiais? Já evitaste a publicação de conteúdos de terceiros ou já tiveste que retirar do blog postagens por conta de reivindicações? Achas que as autoridades competentes são muito criteriosas ou mais permissivas nesta questão?

Francisco: Eu luto de mão dada, ou seja, antes de partilhar o que quer que seja. Vejo se existem direitos de autor em primeiro lugar. Caso haja, peço autorização o que raramente o faço, prefiro esquecer o assunto. As fotos publicadas são minhas, ou da Internet (que não precisam de autorização) ou peço autorização para tal e por escrito (troca de emails). Sim, já publiquei e retirei quando o solicitaram. Depois recuso-me a publicar o que quer que seja dessa fonte. Não sei responder, porque nunca tive grandes chatices. Também não escrevo grandes textos nem poemas. Logo a matéria-prima deste blogue é toda minha, é o meu cantinho...


O que é que o blog te proporcionou para tua vida pessoal que nunca antes tiveste acesso? O que farias de diferente e o que é que ainda pretendes mudar nele? Achas que o blog terá um tempo de vida, como tudo, ou imaginas a chegar-te ao fim da vida, continuando a postar o que achas que deves?

Francisco: É o meu cantinho dos meus desabafos. Este canto permitiu-me conhecer pessoas fantásticas, como ter-te conhecido a ti. 😊 Ter o prazer de ser teu amigo. Não faria nada de diferente, este canto sou eu... O que pretendo mudar?! Vou moldando-o com a sabedoria adquirida ao longo dos tempos. O que foi este canto e o que é nos dias de hoje?! Mudou completamente... De facto, este canto já esteve por um triz de ser fechado, mas graças ao Limite e ao Mark (dois bloguers), o meu canto continua por cá. Até quando, não sei... Confesso que também ainda não o acabei para não dar o sabor de vitória a tantos anónimos que devem escrever espaços como este... 

take-care-tratar-bem


Consideras o teu blog muito pessoal? Não te incomoda que alguém do teu círculo pessoal [família e amigos chegados] o leia e fique a conhecer-te de uma maneira que se torne insustentável?

Francisco: Este espaço é meu e só meu. Foi coisa que nunca me preocupei. Sei que já me chateei com alguns amigos que sabem da existência deste espaço. Que achavam que o que escrevia, eram indirectas para eles. Se algum familiar descobrir ou souber e não gostar. Fácil, existe uma cruz em cima no canto direito... Sou maior de idade ;) Já sou grandinho... Se eu sou puta e não gostam?! Eu dou o meu NIB... Quando pagarem as minhas contas, eu deixo opinar um pouco...


Por vezes, tu abordas um lado muito espiritual da vida, incluindo experiências que já vivenciaste. De que forma isso te ajudou/ajuda a conheceres-te melhor?

Francisco: Sempre acreditei em Deus. Sempre acreditei na alma. No fundo, todos se lembram de Santa Bárbara quando troveja... Como acredito na reencarnação e sei que existe mais gente atrás de mim, do que à minha frente, está-se bem...Quando a vida nos parece uma tempestade ou um deserto, por vezes temos de saber onde existe um porto de abrigo ou um oásis. 😊


Já viajaste muito. Qual foi o país que visitaste que mais gostaste? Porquê?

Francisco: Sim, de facto já fiz algumas viagens e ainda me faltam umas outras tantas! 😊 Gostei de todas as viagens que fiz, sei escolhê-las bem! (risos) Poderei dizer que adorei a Jordânia, aquele deserto... Lá visitei Petra, considerada uma das novas maravilhas do Mundo. Mergulhei no Mar Morto e não ter ido ao fundo? Foi uma experiência única... Adorei o deserto da Tunísia, quando apanhei uma tempestade de areia em Touzer. Adorei o safari no Quénia, voltaria novamente a fazer um... ;)

As ruínas de Petra, na Jordânia

Indica uma característica muito forte da tua pessoa que nunca é exposta no blog e nem será revelada aqui nesta entrevista?

Francisco: O estar sempre a sorrir e bem disposto com a vida. Raramente me vêem com mau feitio. Podes revelar, eu não me importo ;)


O que dizem os teus olhos?

Francisco: Não sei, terás de perguntar a quem me vê! (risos) 

6 comentários:

  1. Adorei conhecer um pouco do Francisco que aprendi a admirar aqui em BlogsVille. Gosto principalmente de se caráter incisivo e afirmativo quando se refere ao "meu espaço pois também eu sou assim. Penso como ele quanto às fotos de gajos que ele publica. É o gosto dele e pronto. Eu, maioria das vezes, comungo o bom gosto dele, outras não adoro os [chocolates negros] e sou um admirador das belezas comuns.
    Enfim! Francisco é uma grande figura. Parabéns João por esta oportunidade de conhecer melhor este amigo.

    Beijão aos dois ...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Paulo! Obrigado pelas palavras, sempre tão simpáticas!
      Abreijos :)

      Eliminar
  2. Granda maluko o teu entrevistado (risos)

    Gostei muito que tivesses te lembrado de mim :)

    E, as fotos não poderiam ter tido a melhor selecção ;)

    Grande abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Francisco!
      É verdade, ao tempo que andava para te entrevistar... Finalmente surgiu a oportunidade! Espero que tenhas gostado e continues por aqui!
      Abração :)

      Eliminar
  3. Eu posso responder à última:

    Os olhos do Francisco dizem-me que ele sabe sempre mais do que fala. =)

    Foi interessante conhecer um pouco mais dele .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Magg! É verdade, o Francisco é uma verdadeira caixinha de surpresas!
      Fico contente que tenhas gostado!
      Beijinhos :)

      Eliminar

Olá! O teu comentário é sempre bem-vindo!
Comenta, opina, expressa a tua opinião! Este espaço é teu!

Se quiseres contactar connosco, envia-nos um email para:

entrelinhasdirecionadas@outlook.pt

Esperemos que tenhas gostado do blog e que voltes sempre!

Entrelinhas Direcionadas: Felizes Aqueles Que Sabem Ler Nas Entrelinhas! | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2016 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS