26/09/2016

Sombras da Luz: Skyfall, Capítulo 19 [PT]

shadows-of-light-skyfall-sombras-da-luz
Capítulo 19: O Prelúdio da Escuridão!

A Mestra Rowena colocou-se à frente de todos, perante o olhar espantado de Mikel, Hórus, Renge, Árion e do Anjo que os acompanhava. Mestra Rowena sorriu, satisfeita. Ela era uma mulher alta, mais alta do que a maioria das mulheres. Tinha cabelos cor de palha, abaixo dos pelo meio das costas. No cimo da cabeça, uma grinalda de flores ajustava um véu que ela colocara para trás. Do lado esquerdo, ela tinha criado uma trança com uma franja dos seus cabelos. O seu rosto era simplesmente perfeito. Branco, imaculado, muito feminino. Os seus olhos eram castanhos amendoados. Os seus lábios eram voluptuosos, pintados num tom rosáceo, bem como todo o seu rosto. O seu corpo era bonito. Era forte, sendo bem agraciada pela natureza. Vestia uma túnica rosácea que lhe fazia sobressair ainda mais os seus atributos. Ela estava habituada a toda aquela empatia por parte dos homens e até das mulheres. Afinal, ela era a mãe da deusa Vénus. 

- Como disse, vocês escaparam por um triz. Árion, Hórus, vocês estão com feridas profundas! Sigam para a Sala do Mestre Hilarion, imediatamente!

- Sim senhora! - responderam os dois, colocando-se em sentido e saindo rapidamente.    

- Quanto a ti, Anjo… Antes de mais, agradeço-te a prontidão com que salvaste aqui os nossos pequenos heróis… Deves informar o Comandante Karran do que se está a passar no Paraíso o mais depressa possível!

- Certamente, minha bela senhora! Adeus! - rematou o anjo, seguindo pelo mesmo caminho de Árion e Hórus.

Mikel preparava-se para falar, mas Rowena impediu-o:

- Eu vou ter de sair! Preciso de falar com o Mestre Seraphis Bey! Vocês tomem banho, vistam as novas túnicas, comam alguma coisa e descansem! Voltaremos a ver-nos mais tarde!

Espantados, os dois rapazes acenaram com a cabeça. Mestra Rowena piscou-lhes o olho e num flash, desapareceu.

- Mas o que raio veio a ser isto? - perguntou Renge, indignado.

- É melhor nem perguntares, fofo! Cheira-me que encontramos uma verdadeira amazona! - respondeu Mikel, a rir.

Renge acabou por rir também e ambos fizeram aquilo que Rowena lhes tinha ordenado. Como estavam cansados, não tardou muito para que se deitassem na cama de cetim rosa que a Mestra Rowena tinha preparado para eles. O sono chegou tão depressa que nem tiveram tempo de pensar em mais nada.

Enquanto isso, o Anjo deslocou-se a grande velocidade até à Torre Norte, onde sabia que o Comandante Karran estava. Subiu os degraus a levitar e quando chegou ao topo, escutou uma melodia horrorosa, vinda do outro lado da porta. Divertido, bateu à porta, entrando de imediato.

- Eu já não disse que não queria ser incomodado? Principalmente quando estou nesta sala! - resmungou Karran, de costas voltadas para o seu interlocutor, enquanto tocava um órgão de tubos, quase do tamanho da sala.

- Então Karran, é assim que me tratas? - perguntou o Anjo, com uma voz melíflua. 

O Comandante Karran parou imediatamente de tocar o órgão de tubos. Virou-se lentamente, tomado pelo medo, pelo pânico e pelo terror. O seu rosto estava lívido e branco como a cal.

- Senhor! Mil perdões! Pensei que fosse outro ser! Não reconheci a sua energia! - exclamou Karran, levantando-se e ajoelhando-se, perante o Anjo, que esboçava um sorriso mau. 

- Excelente! Se nem tu me conseguiste reconhecer, então o meu disfarce é perfeito! Karran, está tudo pronto?

- As peças estão quase todas nos devidos lugares, senhor! Os jovens Mikel e Renge… 

- Acabei de salvar aquele idiota do Príncipe Mikel no Paraíso! Pensei que os treinos com os Mestres Ascensos lhe fariam algum efeito, mas ele continua muito fraco! Assim, será muito fácil! Eu vou atingir o meu derradeiro objectivo! - comentou o Anjo, rindo-se malevolamente. 

O Comandante Karran sorriu, mas nada disse. Pensava como haveria de conseguir o perdão do seu Mestre, pois sabia que este estava desejoso de uma qualquer falha sua, para o punir pela ousadia dele, momentos antes. O Anjo prosseguiu.

- As coisas estão a correr melhor do que eu estava à espera. Pensei que o Príncipe Mikel começasse a relembrar-se das coisas, à medida que vai juntando os orbes lendários. No Planeta Terra, o Príncipe do Caos, Nexus, foi obrigado a assumir o controlo do Príncipe Kyle. Ele iria ceder perante o Príncipe Titus. No seu coração percebeu que estava perante um rapaz importante para ele. Estes filhos dos deuses são todos uns fracos! É o que dá serem fruto das relações que os pais tiveram, devido a entregarem os seus corações a esse estúpido sentimento a que chamam… Amor. Não me será difícil vencê-los quando chegar a hora! Karran! Eu vou regressar a Spodeth-Alpha! Não preciso de me incomodar mais! Duvido muito que o Príncipe Mikel e os restantes consigam vencer o Príncipe Nexus, sabendo que este tem o Príncipe Kyle nas suas garras! Quanto a ti… Que eu não tenha de duvidar mais da tua competência, Karran… - rematou o Anjo, assumindo a sua verdadeira forma e desvanecendo-se em seguida.

- Bolas, escapei por pouco! - suspirou Karran, sentando-se num cadeirão e preparando uma bebida forte.

A Mestra Rowena saiu da Sala do Raio Rosa e partiu, rumo ao lado oposto da nave Akithran. Esperava encontrar o Mestre Seraphis Bey na sua Sala, já que ele ultimamente andava muito ocupado, junto com o Comandante Ashtar, em busca de Chibi-Sama. Alguns minutos depois, ela acabou por chegar à Sala do Raio Branco. Bateu à porta. Como a convidaram a entrar, entrou e ficou espantada. Todos os Mestres Ascensos encontravam-se lá.

- Aqui está a nossa bem-amada Rowena! Já estávamos para te ir chamar, minha querida amiga! - comentou o Mestre Seraphis Bey, com um enorme sorriso.

- O que vem a ser isto? Seraphis, ias dar uma festa e não me enviaste convite? - ironizou Rowena, fazendo rir todos os presentes.  

- Antes fosse, antes fosse… - respondeu  o Mestre Seraphis Bey, sentando-se.

Mestre Lanto, do Raio Dourado, pediu a palavra.

- Amados irmãos e irmãs, estamos aqui reunidos para debatermos as formas com que vamos lidar com a terrível crise que temos entre mãos. Como sabem, todas as tentativas para encontrar Chibi-sama, têm-se revelado infrutíferas. 

- Ele escondeu-se bem, desta vez… - comentou a Mestra Rowena.

- Existe a possibilidade de ele se encontrar em Spodeth-Ómega, selado no Jardim dos Deuses. Nem nós temos a capacidade de lá entrar. Só com os portais e mesmo assim, só os Sombras da Luz os podem usar. - afirmou o Mestre Hilarion.

- É verdade. Os Sombras da Luz e os seus descendentes. - corrigiu Mestre Lanto. - Por isso, enquanto o jovem Mikel não estiver pronto, não poderemos explorar aquele local. E mesmo assim, nada nos garante que ele saia vitorioso da luta que terá de enfrentar lá. 

- Não queria nada estar na pele dele… - suspirou o Mestre El Morya.

- A alma dele escolheu este caminho. Devia ser uma honra para nós cuidarmos dele. - respondeu o Mestre do Raio Violeta, que tinha uma máscara no rosto.

- Violeta, já é tempo de mostrares esse rosto! Vá lá, estás a deixar-me morta de curiosidade! - gracejou a Mestra Rowena, aproximando-se do Mestre do 7º Raio e tentando agarrar a máscara dele.

- Quando chegar a hora, eu mostro! Revelarei o meu rosto e o meu nome! Por enquanto não posso, nem devo! - rematou este, afastando-se de Rowena, atrapalhado.

- Bom, passemos a coisas sérias. Estamos aqui reunidos também por causa dos acontecimentos que estão a ocorrer no Planeta Terra. Presumo que todos estão a par do que se passa? - inquiriu o Mestre Seraphis Bey, com um tom de voz muito grave. - Neste momento, o combate final entre o Príncipe do Caos e o Príncipe da Terra, está para começar. E ainda não decidimos qual será a nossa posição. Estávamos à espera que Chibi-Sama tomasse o controlo, mas nem ele, nem o Comandante Ashtar estão para nos orientar e guiar. Só temos o Comandante Karran.

- Eu não estou a gostar da atitude dele, ultimamente… - comentou a Mestra Nada. - Ele parece estar mais autoritário do que o costume ou é impressão minha? 

- Não é só impressão tua, Nada. Eu vinha falar com o Seraphis Bey por causa disso. Estou desconfiada que algo de muito estranho está a acontecer, mesmo debaixo dos nossos narizes. Ainda há pouco, os pequenos Mikel e Renge chegaram à minha Sala, acompanhados de Árion, Hórus e de um Anjo que eu nunca tinha visto. Pelos vistos, foi graças a ele que eles conseguiram escapar da fúria divina. O Anjo abriu um portal entre as dimensões e foi graças a isso que eles escaparam. O poder do orbe não foi despertado! - exclamou a Mestra Rowena.

Todos os Mestres ficaram boquiabertos com a notícia! De imediato começaram a discutir uns com os outros. Algo de estranho e muito grave estava a acontecer, mas o que seria? Após várias horas de conversa e discussão, a Mestra Rowena saiu da Sala do Raio Branco. Estava extenuada. Todos os Mestres tinham aumentado ao máximo a sua capacidade. Dirigiu-se para a sua Sala, desejosa de descansar também ela, junto com os jovens que tinha ao seu cuidado. Mal chegou lá, deitou-se e adormeceu profundamente.

Horas mais tarde, Mikel e Renge acordaram e comeram. Admirados com o silêncio que invadia a Sala do Raio Rosa, permitiram-se explorá-la completamente, algo que nunca tinham feito nas outras Salas. Na verdade, não havia muito mais a conhecerem, para decepção de ambos. À excepção da cor, todas as salas eram muito similares. Porém, ao tocar numa parede, Mikel escutou um clique e uma porta secreta abriu-se! Um raio rosa ténue emergia do centro da nova sala! Mikel e Renge, encantados, entraram. A porta fechou-se atrás deles. Uma melodia suave ecoava naquele espaço. De repente, sem saberem como, ambos perderam os sentidos.

- Bem-vindos à minha Sala, queridos Mikel e Renge! - exclamou a Mestra Rowena, com um sorriso bastante satisfeito. - O facto de terem encontrado esta sala especial mostra que os vossos poderes estão a começar a aflorar.

Mikel e Renge levantaram-se, meio alienados. Sentiam-se leves, muito leves. Ao olharem para o chão, ambos deram um berro! Eles estavam deitados no chão, inconscientes!

- Caramba, vocês berram que nem duas meninas! - gracejou Rowena. - Na minha Sala, vocês aprenderão sobre o Linga-Sharira, o Corpo Etéreo. 

- É nessa forma que nos encontramos agora, Mestra Rowena? - inquiriu Mikel, contemplando-se. 
   
- Sim, é isso mesmo! Espero que se habituem rapidamente a esta nova vibração, porque a partir de agora, transitarão entre todas as formas que já aprenderam e despertaram. É muito importante que tenham os devidos cuidados com o corpo etéreo. Apesar de ser mais difícil destruir um corpo etéreo do que um corpo físico, se vocês morrerem na vossa forma etérea, a vossa alma deixara de ter um recipiente, por assim dizer, onde se alojar. Esse é o verdadeiro corpo da vossa alma...

Fascinados, Mikel e Renge sentaram-se em frente da Mestra Rowena e aprenderam inúmeros conceitos novos. Aprenderam a proteger os seus corpos etéreos e a transitar entre as diversas formas que já possuíam. No final da lição, a Mestra Rowena activou os poderes do 3º Elemento, o Quarks, que brilhava numa poderosa luz tricolor: azul, verde e vermelho. Quando Mikel movimentou a espada, embutida com o 3º Elemento, a Mestra Rowena adicionou-lhe um sopro da Chama Rosa.

- Parece ter ficado muito bem! - exclamou. - Vamos juntar as essências dos Mestres com quem vocês já estiveram, antes de partirem em busca do 4º Elemento! Venham comigo!

Surpreendidos com a atitude, Renge e Mikel seguiram-na, atravessando paredes. A sensação de estarem mais leves do que o ar e de levitarem, transpondo paredes, era maravilhosa! Através daquele atalho, rapidamente chegaram a uma Sala inundada por um Raio Branco.

- Eu vou buscar os restantes Mestres! Não saiam daqui, nem mexam em nada!

- Esta deve ter a mania que é nossa mãe… - suspirou Renge, ligeiramente irritado.

- Shhhhhhh! Olha que ela ainda te ouve! Ainda te arranca a alma pela pila! - murmurou Mikel, rindo-se, fazendo Renge rir também.

Instantes depois, 4 Mestres apareceram na frente deles. El Morya, Lanto, Rowena e um senhor que Mikel e Renge ainda não conheciam. Como que adivinhando o que estavam a pensar, o Mestre desconhecido apresentou-se.

- Sejam bem-vindos à minha Sala, meus amados! Eu sou o Mestre Seraphis Bey, Mestre do 4º Raio, o Raio Branco.

Mikel recordou-se do dia em que conhecera 6 dos 7 Mestres Ascensos. De facto, Seraphis Bey lá estava também, mas tinha sido tão rápido na sua apresentação que Mikel mal se recordava dele. 

O Mestre Seraphis Bey era um homem alto e muito bonito. A sua pele era morena, num tom dourado. Os seus cabelos, castanhos-escuros, estavam escondidos por detrás de um turbante que fazia recordar os que os antigos faraós usavam. O seu rosto era másculo mas ao mesmo tempo transmitia um olhar gentil. Os seus olhos eram de um azul glacial. Tinha bigode e barba rala. Aparentava não ter mais do que 30 anos. As suas roupas eram de um branco imaculado, tendo umas cintas azuis à volta do abdómen. Os seus braços, musculados, exibiam alguns ornamentos a ouro. Na mão direita, carregava um ceptro enorme, parecido com o que Renge possuía e que continha uma Chama Branca a arder no seu centro.

- Que homem lindo! - sussurrou Renge, encantado.

- Parece um faraó, não achas? - respondeu Mikel, compreendendo perfeitamente a admiração de Renge. Ele sentia exactamente a mesma coisa.

- Na verdade, querido Mikel, eu quando fui humano, fui o primeiro dos Faraós Egípcios. Antes disso, fui uma das encarnações de Osíris. Assim sendo, a tua impressão está correcta. A Mestra Rowena achou por bem trazer-vos até à minha Sala antes de vocês partirem em busca do 4º elemento por uma série de razões. Mas antes de falarmos nisso, peço aos meus queridos irmãos que coloquem um sopro das essências dos Raios que lhes foram confiados na tua espada.

E assim, o Mestre El Morya e o Mestre Lanto partilharam das suas Chamas, a Chama Azul e a Chama Dourada. O Mestre Seraphis Bey seguiu-se-lhes, colocando um sopro da Chama Branca. Ao receber as 3 Chamas, a espada de Mikel brilhou intensamente e como começasse a escaldar nas mãos deste, ele deixou-a cair ao chão com estrondo. A espada ficou envolta por uma intensa luz que a cobriu totalmente. Quando a luz se desvaneceu, a espada tinha ganho uma nova forma! O ceptro de Renge também havia mudado de aparência! Naquele momento, nem Renge, nem Mikel sabiam, mas as restantes armas dos Sombras da Luz também tinham sofrido a mesma alteração!

- Agora estão por vossa conta, queridos Mikel e Renge! Boa sorte! Adeus! - declararam os Mestres El Morya, Lanto e Rowena, desaparecendo num flash de luz. 

- Esperem…! 

- Nem tivemos tempo para dizer adeus, nem agradecer… - comentou Mikel.

- Os Mestres sabem que vocês estão gratos. Não se preocupem. Mikel, Renge, eu vou começar a dar-vos parte da lição agora mesmo. Mas não se preocupem, num piscar de olhos, partirão, rumo ao 4º Elemento!

- E onde está o 4º Elemento? - perguntou Renge.

- Na posse do Príncipe Titus Gaius, o Guardião do Planeta Terra. - rematou o Mestre Seraphis Bey.


*Enquanto isso, no Planeta Terra…*

*Porto, 15 de Fevereiro de 2019*

Depois de combaterem várias hordas de vampiros que andavam no seu encalce, Caleb, Razor, Hao Fang, Ophelia e Corrine chegaram por fim a casa de Mikel. Hao Fang desvendara muitos segredos do diário secreto e Caleb estava desejoso de conversar com Mikel, pois este era mencionado em alguns dos escritos dos seus antepassados. Encontraram a casa muito silenciosa. Partiram do pressuposto que o Filho de Neptuno, o Príncipe Kyle, não estivesse em casa. Com muito cuidado, Razor abriu a porta com a chave que Mikel lhe entregara em Barcelona.*

* Nota de Autor: [ver “Sombras da Luz: Despertar”]  

Razor suspirou. Apesar do pouco tempo que ali estivera, tinha criado uma mão cheia de memórias naquele espaço, quando reencontrara o Príncipe Mikel. Por onde andaria ele? Kitsune, a raposa, falou através dos lábios de Razor.

- O amo está para chegar, não tardará muito. Sinto presenças, na biblioteca. 

O grupo dirigiu-se à biblioteca. Sentado num cadeirão, a contemplar o horizonte por uma janela, encontrava-se um rapaz, um dragão e um lobo. Sorrindo muito feliz, Razor correu para o lobo e para o dragão.

- Ōkami! Light! Há quanto tempo!

O lobo e o dragão sorriram e abraçaram Razor! Todos começaram a falar ao mesmo tempo, enquanto Kyle se levantava do cadeirão, espantado.

- Quem…? Quem são vocês? O que estão a fazer na minha casa?

- Príncipe Kyle, eu sou um Cavaleiro. Sou um Cavaleiro ao serviço de Sua Majestade, o Príncipe Mikel. Eu chamo-me Razor e estes são os meus amigos de viagem. - respondeu Razor com uma vénia e apresentando os companheiros.

Kyle, afável, pediu desculpas pela atitude.

- Desculpem-me, tenho estado um bocado tenso ultimamente! Vocês nunca mais chegavam! Já não era sem tempo! Diz-me Razor, tens tido notícias do Mikel? - perguntou. 

- Aquilo que sabemos é que ele está prestes a chegar… - respondeu Kitsune, através de Razor, pensativa. - Olha lá uma coisa… Porquê que vocês os dois, Light e Kyle, não estão unidos? O Mikel uniu-se com o Ōkami… Hey! Espera lá! O que se passa aqui?

Kitsune apercebeu-se que algo estava errado! Era isso! Mikel estava unido a Ōkami! Então… Como estava Ōkami ali, à sua frente? O rapaz virou-se para a janela. Os animais dele também viraram costas. Rindo-se loucamente, Kyle estalou os dedos e transformou-se, bem como os dois animais! 

- Parabéns Razor! Nunca pensei que os nossos disfarces fossem descobertos tão depressa! Nós somos a Carmen Sandiego e as irmãs gémeas Dulcineia e Doroteia!

- Não é possível! Quem são vocês? Onde está o Príncipe Kyle? - gritaram Razor, Caleb, Hao Fang, Ophelia e Corrine, sobressaltados.

- Somos as Sentinelas! Mas não se preocupem! Vamos levá-los até ele… Agora!

Carmen Sandiego colocou-se no centro, sendo rodeada por Doroteia de um lado e Dulcineia do outro. As três invocaram o terrível ectoplasma, que abriu um portal. 


Todos eles foram sugados instantaneamente, partindo para o local onde estavam o Príncipe Kyle e o Príncipe Titus.  

[Continua...]

Sombras da Luz - Skyfall, Capítulo 20: 
O poder dos Sombras da Luz! [Final]
Dia 30 de Setembro, aqui o blog!

2 comentários:

Olá! O teu comentário é sempre bem-vindo!
Comenta, opina, expressa a tua opinião! Este espaço é teu!

Se quiseres contactar connosco, envia-nos um email para:

entrelinhasdirecionadas@outlook.pt

Esperemos que tenhas gostado do blog e que voltes sempre!

Entrelinhas Direcionadas: Felizes Aqueles Que Sabem Ler Nas Entrelinhas! | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2016 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS