My Movies! #1.15 [PT]

Olá pessoal! Então, tudo bem com vocês?

Já faz uns dias que não comento [mas tenho lido o que escrevem] e também não tenho escrito nada. Tenho aproveitado estes dias de Agosto para trabalhar em novos projectos, relacionados com o blog, mas não só. ^^

Bom, ontem à noite assisti a este filme:

we-need-to-talk-about-kevin

We Need to Talk About Kevin [2011] é um drama psicológico. Uma mulher chamada Eva Katchadourian [Tilda Swinton] nunca desejou ser mãe. Porém, um dia, ela acabou por engravidar. Mal sabia ela que iria dar à luz um verdadeiro sociopata, Kevin [Ezra Miller]. Conseguirá Eva suportar um filho que nunca quis ter?

Este filme é dos bons. Ele incomoda. Aborda um tema muito complicado. Pessoas sensíveis [como eu] ficarão desconfortáveis com o filme. Mas ainda assim, é daqueles filmes que vale a pena assistir e reflectir, já que aborda uma das mais difíceis formas de amar: o amor incondicional.

Eis um trailer:

Comentários

  1. Por aqui tudo óptimo e por aí?

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por aqui também está tudo bem Francisco! Obrigado por perguntares! ;)

      Abraço :3

      Eliminar
  2. Então amigo João, vc não pode se abster de escrever por aqui pois, você faz a diferença. Não acredito em nada incondicional de parte do SER. Fiquei curioso com o filme a partir de sua sinopse sobre o mesmo e do trailer. Vou conferir. Beijo grande meu caro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Paulo!

      Awwww, obrigado pelas palavras!

      Muito bom de se escutar isso!

      Anteontem tive uma interessante discussão sobre esse tema e sobre o filme. De facto, um amor incondicional, é algo quase [senão mesmo] utópico. Supõe-se que para começar seja algo eterno, não é? Os humanos são limitados nesse aspecto, afinal nosso corpo físico tem um prazo de validade. Mesmo que a alma venha a ser imortal, a possibilidade de voltarmos a viver um grande amor, com a pessoa que amamos nesta vida, é remota. A tudo isso, soma-se os factores que o filme acima apresenta. Se assistires ao filme, diz alguma coisa, terei todo o gosto em trocar impressões sobre este e outro que já tenha aqui exposto nesta temática! ^^

      Abreijos :3

      Eliminar
  3. Tenho sempre evitado ver este filme devido à temática e à actriz em questão mas não sabia que o filho era interpretado pelo Ezra Miller... Fiquei curiosa. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Apesar de o filme nos deixar desconfortáveis, pelas temáticas que aborda, é um filme bom de se ver. diria quase educativo. Afinal, o rapaz não tem nenhum motivo para ser como é, já que nada lhe falta. Mas... ;)

      Espero que consigas ver e depois digas o que achaste! ^^

      Beijinhos :3

      Eliminar

Enviar um comentário

Olá! O teu comentário é sempre bem-vindo!
Comenta, opina, expressa a tua opinião! Este espaço é teu!

Se quiseres contactar connosco, envia-nos um email para:

entrelinhasdirecionadas@outlook.pt

Esperemos que tenhas gostado do blog e que voltes sempre!

Mensagens populares deste blogue

Sexo oral. Porém escrito!

Projecto "Baleia Arco-Íris" [Update]

Animal X Animal